Conselho de Administração

O equilíbrio de poderes na L'Oréal em um Conselho de Administração que é independente, altamente comprometido e vigilante.

Altamente comprometido, independente, equilibrado em sua composição e enriquecido com a diversidade de seus membros, o Conselho de Administração determina as orientações estratégicas da companhia para garantir e controlar a sua implementação e fiscalizar a boa gestão. A organização do Conselho de Administração da L'Oréal é adaptada às especificidades da companhia e busca o progresso constante: uma estrutura acionista estável e leal, uma expertise que é exclusivamente voltada para o negócio da beleza, a lealdade notável de seus administradores, que têm conhecimento profundo do negócio, e um crescimento internacional progressivo e constante, além de uma performance econômica e financeira sólida.

Este modelo simplificado de governança, com competências ampliadas para os comitês, que são livres para organizarem seus trabalhos na preparação para as deliberações do Conselho de Administração, simplifica a tomada de decisões no negocio da beleza, onde os requisitos em termos de inovação e adaptação são muito exigentes.

A qualidade da governança é sustentada pelo forte compromisso dos membros do Conselho de Administração. O Conselho fornece ao Comitê Executivo inestimável apoio para a tomada de decisões estratégicas. O equilíbrio de poder é assegurado pela definição clara das atribuições de cada um.
Jean-Paul Agon Presidente e CEO do Grupo L’Oréal

COMPOSIÇÃO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO: DIVERSIDADE E EMPENHO PARA OFERECER A BELEZA PARA TODOS



O Conselho de Administração é composto por 14 membros: o presidente e CEO, seis conselheiros indicados pelos acionistas controladores – dos quais três são nomeados pela família Bettencourt Meyers e três pela Nestlé (os dois Vice-Presidentes do Conselho são escolhidos entre esses membros) – e sete conselheiros independentes. De um total de 14 conselheiros, cinco mulheres têm assento no Conselho, o que representa uma proporção de 35,7%.

O equilíbrio de poderes
O equilíbrio de poderes no Conselho de Administração é assegurado através de uma definição muito precisa e partilhada das tarefas a serem realizadas por todos, com, por um lado, o Presidente do Conselho e CEO e, por outro, 13 diretores que são livres para exercerem seus julgamentos. Todos os conselheiros recebem informações em uma base contínua e pelos meios adequados, no âmbito de um código de operação, com quatro bem estruturados comitês, com competências que foram adicionadas a partir de sua criação: o Comitê de Estratégia e Desenvolvimento Sustentável; o Comitê de Auditoria; o Comitê de Recursos Humanos e Remuneração; e o Comitê de Nomeações e Governança. 

Conselheiros bem informados e independentes
O Conselho de Administração da L'Oréal é continuamente informado de todas as atividades e performance da Companhia através de encontros com vários diretores e no engajamento de um diálogo aberto e construtivo com eles. Além da presença de conselheiros fortemente comprometidos e com experiências complementares (financeira, industrial, comercial etc), alguns dos quais com memória histórica da companhia, uma vez que têm conhecimento profundo de longa data da empresa e seu ambiente, os conselheiros assistem às reuniões regularmente. O Conselho realiza seu trabalho de forma coletiva, de acordo com os princípios éticos e em conformidade com as disposições legais, seus regulamentos e as recomendações de mercado. As deliberações do Conselho são feitas de forma independente dos compromissos operacionais da Direção Geral.

Jean-Paul Agon (1)

Presidente e CEO da L'Oréal, membro do Conselho de Administração desde 2006, teve seu mandato renovado em 2010. Membro do Conselho da Air Liquide.

Jean-Pierre Meyers (2)(5)(6)(8)

Membro do Conselho L'Oréal desde 1987, teve seu mandato renovado em 2009, é o Vice-Presidente do Conselho de Administração. Vice-Presidente do Conselho de Supervisão e CEO da holding familiar Téthys, membro do Conselho da Nestlé S.A. (Suíça).

Peter Brabeck-Letmathe (2)(5)(6)

Austríaco. Presidente do Conselho de Administração da Nestlé. Membro do Conselho L'Oréal desde 1997, com mandato renovado em 2013, Vice-Presidente do Conselho de Administração. Vice-Presidente do Conselho de Administração do Grupo Crédit Suisse (Suíça), Presidente do Conselho de Administração de Delta Topco Limited (Jersey) e da Exxon Mobil (Estados Unidos).

Françoise Bettencourt Meyers (2)

Filha da Sra. Bettencourt. Presidente da holding familiar Téthys e Presidente da Fundação Bettencourt Schueller. Membro do Conselho desde 1997, com mandato renovado em 2013.

Paul Bulcke (2)

Executivo belga, está na Nestlé desde 1979, onde é Diretor Executivo desde 2008. Membro do Conselho L'Oréal desde abril de 2012 e membro do Conselho da Roche Holding na Suíça.

Charles-Henri Filippi (2)(6)(7)

Ex-presidente e CEO do HSBC França. Membro do Conselho L'Oréal desde 2007, com mandato renovado em 2011. Membro do Conselho da France Telecom, membro do Conselho de Supervisão da Euris e censor da Nexity. É Presidente do Citigroup para França.

Xavier Fontanet (3)

Ex-presidente e CEO da Essilor. Membro do Conselho de Administração da L'Oréal desde 2002, com mandato renovado em 2010. Membro do Conselho do Crédit Agricole S.A. Membro do Conselho de Supervisão de Schneider Electric.

Bernard Kasriel (2)(5)(4)

Ex-CEO da Lafarge. Membro do Conselho da L'Oréal desde 2004, com mandato renovado em 2008. Membro do Conselho da Arkema e da Nucor (Estados Unidos).

Christiane Kuehne (8)

Executiva suíça, na Nestlé desde 1977, chefe da Unidade de Negócios de Estratégia Alimentar. Membro do Conselho da L'Oréal desde abril de 2012.

Marc Ladreit de Lacharrière

Membro do Instituto. No Grupo L'Oréal de 1976 a 1991. Presidente e CEO da Fimalac. Presidente da Fitch (Estados Unidos). Membro do Conselho L'Oréal desde 1984, com mandato renovado em 2010. Membro do Conselho do grupo Casino, do Grupo Lucien Barrière e da Renault.

Jean-Victor Meyers

Neto da Sra. Liliane Bettencourt. Membro do Conselho de Supervisão da Téthys e membro do Conselho de Administração da L'Oréal desde 2012.

Virginie Morgon (8)

Na Eurazeo desde 2008, uma das primeiras empresas de investimentos a serem listadas na Europa. Membro do Conselho Executivo e Diretora Executiva de Investimentos. Membro do Conselho L'Oréal desde 2013.

Annette Roux

Presidente e CEO da Bénéteau de 1976 a 2005, Vice-Presidente do Conselho de Supervisão desde então. Membro do Conselho L'Oréal desde 2007, com mandato renovado em 2011.

Louis Schweitzer (2)(8)

Presidente e CEO da Renault de 1992 a 2005, Presidente do Conselho de Administração até 2009. Membro do Conselho de Administração da L'Oréal desde 2005, com mandato renovado em 2013. Presidente do Conselho de Administração da AB Volvo (Suécia) e da Astra Zeneca (Reino Unido). Membro do Conselho do BNP Paribas e da Veolia Environnement. Membro do Conselho Consultivo do grupo Allianz AG e da Bosch (Alemanha).

O mandato da L'Oréal para membros do Conselho de Administração é de quatro anos ou menos, renovável, para permitir mandatos escalonados. Cada diretor detém pelo menos 1.000 ações da L'Oréal.

(1) Presidente do Comitê de Estratégia e Desenvolvimento Sustentável.

(2) Membro do Comitê de Estratégia e Desenvolvimento Sustentável.

(3) Presidente do Comitê de Nomeações e Governança.

(4) Presidente do Comitê de Recursos Humanos e Remuneração.

(5) Membro do Comitê de Nomeações e Governança.

(6) Membro do Comitê de Recursos Humanos e Remuneração.

(7) Presidente do Comitê de Auditoria.

(8) Membro do Comitê de Auditoria.