L’Oréal estreita parceria com fornecedores de matérias-primas da biodiversidade brasileira
Grupo L´Oréal

Equipe de Pesquisa e Inovação da L’Oréal Brasil conheceu o cultivo do Cupuaçu no Pará com objetivo de desenvolver novos ingredientes para cosméticos inovadores, eficientes, sustentáveis e acompanhar o dia a dia dos agricultores familiares.

FORNECEDORES DE MATÉRIAS-PRIMAS

A equipe de Pesquisa&Inovação esteve no Pará para uma visita a dois fornecedores de matérias primas que comercializam produtos da biodiversidade brasileira cultivados de forma sustentável. O objetivo foi articular possíveis parcerias para o desenvolvimento de novos ingredientes sustentáveis e acompanhar um pouco do dia a dia dos agricultores familiares.

A primeira visita foi à Associação de Produtores e Produtoras Rurais da Agricultura familiar da Comunidade Santa Luzia (APRAFAMTA), do fornecedor Beraca, parceiro da L’Oréal desde 2003 no fornecimento de óleos e manteigas da biodiversidade brasileira. Os agricultores da Associação – localizada no município de Tomé-Açu – são responsáveis pela produção da manteiga de cupuaçu, que é comercializada para a L’Oréal através de um contrato de repartição de benefícios, necessário para preservar e fortalecer a cadeia produtiva do fruto. O acordo segue as premissas da Convenção sobre a Diversidade Biológica (CDB), estabelecida na Rio 92 para conservar e promover o uso sustentável dos recursos naturais dos países.

“Fizemos um investimento na fábrica de polpas da Associação para adequar suas instalações às exigências da Vigilância Sanitária e garantir sua reabertura, já que, hoje, ela encontra-se fechada. Dessa forma, a comunidade poderá diversificar sua fonte de renda, passando a vender também em larga escala a polpa do cupuaçu e de outras frutas que são produzidas localmente”, explica Fabiana Munhoz, Gerente de Pesquisa Avançada, que esteve no local.

A viagem contou ainda com uma visita às instalações da Symrise, fornecedor internacional de matérias-primas cosméticas e fragrâncias. A empresa fez dois grandes investimentos no Brasil: instalou no Pará uma fábrica de óleos vegetais, manteigas e extratos, onde se beneficia da rica biodiversidade brasileira; e montou, em São Paulo, um centro global de hair care, no qual se favorece do conhecimento sobre a diversidade de cabelos existentes no Brasil e sobre a exigência das nossas consumidoras. “Conversamos sobre possíveis parcerias futuras para o desenvolvimento de novos ingredientes cosméticos inovadores, eficientes e sustentáveis”, revela Fabiana.