"Oscar" dos perfumes: fragrâncias de marcas da Divisão de Luxo da L’Oréal estão na lista dos melhores do ano
Grupo L´Oréal

Yves Saint Laurent e Ralph Lauren são destaques na principal premiação de fragrâncias do mundo

As fragrâncias de Mon Paris (Yves Saint Laurent) e Polo Blue (Ralph Lauren) estão entre os melhores perfumes do ano pelo prêmio Fragrance Awards, considerado o Oscar da categoria. No Brasil, os perfumes são uma forma de expressão da beleza, de estilo e das vibrações que norteiam o dia. Não à toa, o país é um dos maiores consumidores de fragrâncias da América Latina e traça um desempenho no mercado mundial pelos índices de consumo.


O aroma, a composição da fórmula e o design da embalagem são os critérios utilizados pela Fragrance Foundation para definir os melhores de 2017. Mon Paris Eau de Parfum, de Yves Saint Laurent, é reconhecido como a fragrância feminina do ano. Já Polo Blue, de Ralph Lauren, foi o escolhido pelos consumidores como o melhor perfume.


Para Stephanie Humpert, Diretora de Marketing da Divisão de Luxo da L’Oréal Brasil, o reconhecimento global é uma forma de entender o posicionamento das marcas no mercado. “Toda forma de reconhecimento, que venha tanto de prêmios oficiais como de opiniões de consumidores, nos inspira a continuar desenvolvendo produtos que encantem homens e mulheres do mundo todo”, destacou sobre o prêmio.


Fragrâncias L’Oréal são destaques todos os anos


O é realizado desde 1973, quando começou com apenas quatro categorias de avaliação. Hoje, mais de 20 prêmios são entregues todos os anos. Replica, de Maison Martin Margiela, foi premiado em 2016 pela melhor campanha nas redes sociais. Na edição anterior, em 2015, Sì, de Giorgio Armani, foi considerada a fragrância Prestígio Feminino.


Já Polo Red, de Ralph Lauren, ganhou duas categorias em 2014: escolha masculina do consumidor e campanha do ano na mídia. “O destaque anual pelo prêmio nos serve como um termômetro para entender a aceitação dessas fragrâncias no mercado e indicar que devemos continuar investindo neles para torná-los ícones ainda maiores”, ressaltou Stephanie Humpert.


Hábitos brasileiros de consumo de perfumes são analisados por pesquisa


Uma pesquisa da Euromonitor mapeou os hábitos de consumo de fragrâncias no país. De acordo com o estudo, os brasileiros têm uma relação diferente com os perfumes, já que associam o uso com a sensação de limpeza. No âmbito internacional, o mercado de fragrâncias cresceu 5% entre 2010 e 2015. O crescimento na América Latina também foi levado em conta pela pesquisa, que apontou que o Brasil lidera esse cenário de desenvolvimento.